Como foi o Shimano Fest 2018!

Shimano Fest supera expectativas e reúne mais de 30 mil pessoas no Memorial da América Latina

Com aumento de 20% no número de visitantes, evento contou com diversas atividades na região central de São Paulo e garantiu a alegria dos visitante

shimano_fest_06

A nona edição do Shimano Fest, o maior festival de bike da América Latina, reuniu em três dias 30.600 visitantes, 20% a mais do que em 2017, quando 25.500 pessoas foram ao Jockey Club em quatro dias.

Foi a primeira vez do evento realizada no Memorial da América Latina, o que consolida a escolha da nova sede, devido a grande procura do público.

shimano_fest_05

O bicicletário reuniu 5.600 bikes no total, 30% a mais do que 2017. Já o test-ride teve crescimento de 17%, com 5.600 testes realizados por nove marcas e um total de 120 bicicletas utilizadas.
Mais de 5 toneladas de alimentos não perecíveis foram doadas pelos visitantes, um aumento de 65% em relação ao ano passado. O único dia destinado aos profissionais do mercado reuniu 5.400 lojistas, praticamente o mesmo número de 2017, quando a feira teve 5.600 lojistas nos dois fechados ao público. Tudo isso justificou a decisão da organização de aumentar o espaço coberto do evento, de 2.500 para 5.000 metros quadrados.

shimano_fest_photo_shimano

Durante os dois dias abertos ao público, diversos pedais foram realizados em direção ao Shimano Fest. O principal destaque entre eles foi o 1º Passeio Ciclístico Shimano Fest & Santuu, com 1.500 pessoas partindo do Memorial das Bandeiras, no Parque do Ibirapuera, para o Memorial da América Latina, na manhã do domingo (16/09/18).

Saída do Pedal no Ibirapuera (Fernando Siqueira - FS Fotografia)
Saída do Pedal no Ibirapuera ©Fernando Siqueira – FS Fotografia

Henrique Avancini participa de live e é homenageado com vídeo

Em disputa realizada no sábado (15/09), em Auronzo di Cadore, na Itália, o brasileiro Henrique Avancini (atleta da equipe Cannondale Factory Racing) tornou-se campeão do Mundial de Maratona UCI MTB.
E o público presente ao Shimano Fest não só celebrou a conquista, como participou de uma live com o atleta, que falou diretamente da Alemanha sobre sua vitória. “Este é um momento mais que especial. Hoje eu sou campeão, mas isso vai passar. Espero que a minha vitória contribua para consolidar a cultura da bicicleta em nosso país”, afirmou.

Confira como foi o Shimano Fest 2017

Bicicleta para todas as idades

Mantendo a tradição de reunir crianças e de incentivar o amor pelas duas rodas ainda na infância, o Shimano Fest contou com a participação do público infantil.
Os desafios para crianças e adolescentes também bateram recorde de participantes. A Arena Radical concentrou uma série de atividades para os pequenos.
– No sábado, 750 crianças participaram do Tira-Rodinhas e do Pump Track.
– Já no domingo, 950 crianças nas atividades.

No Desafio Sem Corrente, destinado aos competidores a partir dos sete anos, 10 competidores disputaram as medalhas.

Luiz Cocuzzi e Giuliana Morgen são campeões de MTB Short Track

O segundo dia do Shimano Fest – e o primeiro aberto ao público – foi marcado pela disputa do Mountain Bike Short Track na tarde do sábado (15) em São Paulo.
Enquanto os visitantes interagiram com as empresas expositoras do maior festival de bike da América Latina, seja na área de exposição ou no test-ride, os melhores ciclistas do país se apresentaram em um circuito reduzido de 1,1 km na tradicional prova do evento.
Na Elite Masculina, a vitória foi do paulistano Luiz Cocuzzi, pelo segundo ano consecutivo. Já a disputa feminina teve o triunfo inédito da petropolitana Giuliana Morgen, de apenas 15 anos, uma das grandes promessas do MTB brasileiro.

Luiz Cocuzzi foi o protagonista em uma disputa equilibrada na elite masculina. Apesar de não liderar nas primeiras voltas, o ciclista soube a hora certa de atacar seus adversários para garantir o título no Memorial da América Latina.
Seus principais perseguidores foram Mario Couto e Guilherme Muller, vice-campeão e terceiro colocado, respectivamente.
O top 5 contou ainda com os atletas Edson Rezende e José Gabriel Marques.

Mario Couto, Luiz Cocuzzi e Guilherme Muller (Fernando Siqueira - FS Fotografia)
Mario Couto, Luiz Cocuzzi e Guilherme Muller ©Fernando Siqueira – FS Fotografia

Na elite feminina, uma ciclista da categoria juvenil foi quem subiu no lugar mais alto do pódio, mostrando que está em grande fase. Giuliana Morgen, a Giu Giu, venceu e deixou para atrás as favoritas Karen Olimpio e Letícia Cândido.

Letícia Cândido, Giu Giu Morgen e Karen Olimpio (Fernando Siqueira - FS Fotografia)
Letícia Cândido, Giu Giu Morgen e Karen Olimpio © Fernando Siqueira – FS Fotografia

Shimano Fest 2018 em números absolutos:

  • 3 dias
  • 30.600 visitantes
  • 5.400 lojistas
  • 5 mil metros quadrados de área coberta
  • 5.600 bikes no bicicletário
  • 5.600 test-rides com 120 bikes
  • 35 palestras

Matéria originalmente publicada em www.shimanofest.com.br

Você foi ao Shimano Fest 2018?
Conta pra gente o que achou!

Tudo para a sua #vidacombike está aqui na Azupa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s