Campeonato Mundial MTB XCO: Nino Schurter se consagra e Henrique Avancini faz história novamente

Com corridas emocionantes, a temporada de cross country olímpico encerra-se em grande estilo em Lenzerheide, na Suiça.

A Mercedes-Benz UCI MTB World Cup, coroou no último sábado (08/09), os maiores atletas do ano: Nino Schurter, que venceu em casa, e a americana Kate Courtney que travou uma batalha durante toda a prova contra sua companheira de equipe Annika Langvad para vencer nos últimos instantes, superando inclusive a favorita local, e campeã de 2017, Jolanda Neff.

O brasileiro Henrique Avancini repetiu o resultado do ano passado, conquistando o 4º lugar numa disputa com o suiço Florian Vogel.

 

xco-world-championships-2018-henrique-avancini_© BARTEK WOLIŃSKI
Henrique Avancini – © BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

 

“Mais uma grande performance, repetindo a marca de 2017. Não consegui me livrar do pelotão perseguidor, que não estava muito preocupado em fazer a coisa andar para buscar uma medalha. Acabei jogando muita energia fora… No geral, um último capítulo de XCO dessa temporada, marcante para nós, que foi do começo ao fim com bons resultados. Foi um prazer largar como número 2 do ranking mundial, vestindo a camisa amarela!”, disse Avancini.

xco-world-championships-2018-flag© BARTEK WOLIŃSKI
Torcida da casa para Nino Schurter e Jolanda Neff – © BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool
Veja o que aconteceu na Copa do Mundo UCI MTB XCO 2018

XCO Feminino

A campeã mundial de 2017, a suiça Jolanda Neff, era a favorita da torcida local. Ela atacou logo no início, mas foi a dinamarquesa Annika Langvad que assumiu a ponta e controlou a corrida.

Kate Courtney estava em segundo mas Langvad mantinha uma distância de 20 segundos para sua adversária.

Langvad chegou a sofrer uma queda e perdendo tempo, com isso Courtney foi tirando a diferença a cada volta.

2018-uci-xco-world-championships-annika-langvad© BARTEK WOLIŃSKI
Annika Langvad após sofrer a queda – © BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

Na penúltima volta, Courtney estava a apenas 7 segundos atrás de Langvad. A jovem atacou e chegou a ultrapassar a dinamarquesa, que contra atacou e voltou a frente.

2018-uci-xco-world-championships-kate-courtney© BARTEK WOLIŃSKI
Kate Courtney – © BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

 

Com muita habilidade técnica, Courtney tinha vantagem nas descidas e raízes. E aproveitou-se de um erro de sua adversária para assumir a liderança, mantendo sua vantagem até cruzar a linha de chegada.

kate-courtney-wins-2018-uci-xco-world-championships© BARTEK WOLIŃSKI.jpg
Kate Courtney – © BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

Langvad ficou com a prata após dominar toda a corrida, Batty ficou com o bronze e a favorita local, Jolanda Neff, ficou com a quarta colocação.

Brasileiras

As ciclistas brasileiras na prova, Raíza Goulão terminou na 29ª posição, e Jaqueline Mourão no honroso 36º lugar.

Resultados – Elite Mulheres

1 – COURTNEY Kate 1:34:55
2 – LANGVAD Annika +0:47
3 – BATTY Emily +1:58
4 – NEFF Jolanda +2:13
5 – WLOSZCZOWSKA Maja +3:15
29 – GOULAO HENRIQUE Raiza -1 volta
36 – MOURAO Jaqueline -1 volta

XCO Masculino

O destaque para a prova masculina ficou mais uma vez para o suíço Nino Schurter. Ele atacou forte logo no inicio para abrir vantagem e se destacar do pelotão.

elite-men-start-2018-uci-xco-world-championships© BARTEK WOLIŃSKI
© BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

Schurter claramente não queria pedalar com um pelotão grande e ainda na primeira volta conseguiu abrir diferença dos demais.

nino-schurter-2018-uci-xco-world-championships© BARTEK WOLIŃSKI
Nino Schurter – © BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

Italiano Gerhard Kerschbaumer encostou em Schurter na volta 2 e mantiveram o ritmo alto na liderança da prova.

No grupo perseguidor estavam Mathieu Van der Poel, Henrique Avancini, Florian Vogel, Lars ForsterLuca BraidotMaxime MarotteMathias FlückigerTitouan Carod e Thomas Litscher.
Van der Poel escapou e pedalou sozinho na terceira posição a partir da quarta volta. 

Avancini se destacou e manteve a ponta do grupo atrás de Van der Poel. Junto com o brasileiro estavam Vogel, Flückiger e Carod.

xco-world-championships-2018-chase-group© BARTEK WOLIŃSKI.jpg
© BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

No final da prova, Kerschbaumer acompanhava o ritmo de Schurter, mas no final da sétima volta, o suíço acelerou forte e conseguiu se separar do italiano.

Schurter abriu 11 segundos sobre Kerschbaumer e entrou sozinho na arena de Lenzerheide para comemorar seu quarto título consecutivo de Campeão Mundial de MTB XCO!

Kerschbaumer ficou com a prata e Van der Poel com o bronze. Avancini e Vogel “sprintaram” para o quarto e quinto lugares, respectivamente.

elite-men-podium-2018-uci-xco-world-championships© BARTEK WOLIŃSKI
Schurter venceu o Mundial em 2009, 2012, 2013 e todos os anos desde 2015 © BARTEK WOLIŃSKI – Red Bull Content Pool

Brasileiros

Henrique Avancini terminou em 4º lugar, Guilherme Muller em 42º lugar, Luiz Henrique Cocuzzi na 61ª posição e José Gabriel no 78º lugar.

 

Resultados – Elite Homens

1 – SCHURTER Nino 1:29:21
2 – KERSCHBAUMER Gerhard +0:11
3 – VAN DER POEL Mathieu +1:14
4 – AVANCINI Henrique +1:53
5 – VOGEL Florian+1:54
42 – GOTARDELO MULLER Guilherme +7:36
61 – COCUZZI Luiz Henrique -2 voltas
78 – MARQUES de ALMEIDA Jose Gabriel -4 voltas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s